10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

by Mint Design |28 Junho, 2016 | Decoração de Interiores

Alguns pequenos ajustamentos na sua casa podem fazer toda a diferença. Distinguir o certo do errado pode transformar um espaço apertado e caótico numa casa organizada e tranquila, criando uma sensação de ordem e equilíbrio. Leia o resto para perceber o que está certo ou o que está errado.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

1. Demasiados móveis

Não é preciso muito para passar de uma sala bem planeada e simpática para uma que parece mais um depósito de móveis e acessórios. Os móveis devem preencher a divisão de forma atraente e funcional. Deve sobrar espaço para criar movimento e fluxo. Uma sala não deve parecer nunca apertada. Se isso acontecer, retire móveis para ver como fica. Por vezes não é tanto uma questão de móveis a mais, mas sim de móveis mal colocados. Se depois de mover um ou dois o espaço ficar ainda apertado, remova um deles. Vai ficar espantado com a diferença. O excesso de móveis não só torna a divisão mais pequena, como também dificulta os movimentos. Este dica é particularmente importante quando procura vender a casa.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

2. Dimensões erradas

Tal como um par de jeans, a mobília também deve ser ajustada ao tamanho da sala. Móveis demasiado pequenos tornam a sala desequilibrada, estranha e por vezes até pode ficar tipo casa de bonecas. Por outro lado, móveis demasiado grandes tornam o espaço desequilibrado e apertado. Antes de mudar o sitio aos móveis e certamente antes de os comprar, quer sejam sofás, mesas, armários ou camas meça bem o espaço e os móveis em si. Altura, largura e profundidade. Não o fazer pode sair caro.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

3. Desarrumação

Não precisa ser super arrumado, em termos de acessórios, tal como com os móveis, quanto menos melhor. O sentido de ordem, equilíbrio, calma, fluxo e movimento é essencial num espaço bem decorado. Quando há desarrumação, há distracção e o espaço torna-se desconfortável. A desarrumação pode ser facilmente resolvida removendo algumas coisas. Veja o que tem e categorize:

  • Coisas que interessam
  • Coisas que são importantes
  • Coisas que passa sem elas

Remova tudo o que não precisa e repita o processo até voltar a ter um espaço equilibrado.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

4. Falta de luz

A iluminação é chave, um dos elementos decorativos mais importantes. O espaço deve ter tanta luz natural quanto possível. Não tape as fontes de luz natural com cortinas mal colocadas ou com acessórios. Realce a luz natural com espelhos colocados à frente da fonte de luz permitindo que a luz viaje na no espaço. Deve também ter mais do que uma fonte de luz em cada divisão. Acrescente candeeiros e apliques bem colocados e bem dimensionados para aumentar a quantidade de luz. A iluminação deve ser suficientemente brilhante para as funções necessárias mas não ao ponto de se tornar chocante. Devem existir interruptores para as luzes de tecto e de parede.

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

5. Escolher móveis, cores e tintas fora de ordem

Escolher a cor da tinta antes de escolher os tecidos dos sofás e cortinas pode tornar tudo mais difícil. Sugerimos começar pelo sofá ou sofás. Leve as amostras de tecidos à loja de tintas para ajudar a escolher as cores. Leve várias amostras de cores para casa para testar no local com vários níveis de luminosidade. Deixe as amostras à vista e espere 24 horas antes de decidir.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

6. Subestimar a importância do orçamento

Não seja impaciente, não compre demais, não compre tudo de uma vez e não gaste em demasia. Compre o que pode gastar hoje, não o que acha que pode gastar amanha. Faça um orçamento e não saia dele. Não precisa ter tudo de uma vez. Um espaço bem decorado é construído ao longo do tempo. É preferível ir devagar e fazer devagar.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

7. Falta de variedade

Não compre tudo na mesma loja ou na mesma fonte. É bom que tudo seja coordenado, mas não precisa de tudo a condizer. Um espaço bem decorado tem dimensão e personalidade e isso não se consegue se tudo tiver o mesmo aspecto. Pode querer recriar um espaço que viu num catálogo, mas o mais certo é que a sua casa não seja adaptável da mesma maneira.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

8. Esconder as janelas

Pendurar cortinas demasiado baixo é um erro muito comum. Os cortinados devem ser pendurados o mais perto do tecto possível, para criar sensação de altura e tamanho. Cortinas muito baixas tornam o tecto mais baixo e podem tornar a divisão mais pequena. O sentido de escala e de proporção é desperdiçado e as janelas parecem atrofiadas.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

9. Encostar os móveis às paredes

Talvez seja este o erro mais comum dos novatos. O que se pretende é aproximar os móveis para criar um espaço intimo que favoreça boas conversas. Criando este espaço, cria também um fluxo que permite que as pessoas circulem entre e à volta dos móveis. Aproximando as peças, cria um micro cenário. Claro que não defendemos que não se deva colocar nada encostado às paredes. O que defendemos é que não encoste tudo, a menos que pretenda dar uma festa e criar um pista de dança.

 

10 Erros comuns a evitar em decoração de interiores

10. Não ter um ponto focal.

Um ponto focal proporciona uma direcção e uma ordem. Descubra o que quer que as pessoas reparem quando entram na sala. Deve ser algo grande e audacioso, algo que produza uma afirmação ou declaração. Pode ser uma bonita janela de sacada, uma lareira, uma obra de arte, um móvel muito especial. Construa o espaço a partir daí. O espaço irá parecer bem pensado, organizado e equilibrado. É possível e aceitável ter mais do que um ponto focal.

Adaptado de 10 of The Most Common Interior Design Mistakes to Avoid! de Jessica

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *